Retomando em grande estilo – Mass Effect pra Space Dragon

Olá RPGistas,

após mais um longo hiato, venho retomar as rédeas deste blog empolgado com a possibilidade de tirar um antigo projeto do papel.

Aproximadamente 1 ano depois que voltei a jogar RPG (uns 3 anos atrás creio eu) esbarrei com o Old Dragon (Fast Play) na internet. Pra mim aquilo foi uma luz no fim do túnel, poderia jogar com regras mais simples afinal, meu tempo é super curto. Animado com a possibilidade, comprei o livro físico e devorei em poucas horas.

Old Dragon

Nesta época eu estava jogando o D&D 3.5 e conheci o Star Wars Saga Edition (SWSE D20). Li o livro básico e comecei uma campanha onde pude viajar através da galáxia distante.

Porém, um certo dia, um novo universo se abriu à minha frente quando comecei a jogar Mass Effect no Xbox. Fiquei maravilhado com as possibilidades daquele cenário e decidi que iria adaptá-lo pro SWSE. Mas novamente minha falta de tempo me impediu. Resolvi então procurar alguma adaptação pro D20, e encontrei várias inacabadas e o projeto ficou de lado.

Pouquíssimo tempo depois surgiu a versão pocket do Space Dragon. Pirei na hora e pensei: preciso desse livro!  Com a chegada do Fast Play do Space Dragon tirei da gaveta o projeto de adaptar Mass Effect e hoje estou com o Space Dragon definitivo em mãos realizando este projeto.
Space Dragon
Então, com este post, inicio as postagens da minha conversão do Universo de Mass Effect, pra ser jogada com regras adaptadas tanto do Space Dragon quanto do Old Dragon.
Espero que gostem e consigam jogar Mass Effect nesta versão para rpg de mesa e, quem sabe, façam o final que gostariam pra essa saga fenomenal.
Diversas fontes estão sendo utilizadas para a confecção desta adaptação. Encontrei na internet vários materiais de Mass Effect para D20 em Inglês e estou usando também o excelente Mass Effect Saga do pessoal do Holocast (encabeçado pelo DM Rafael) do site Vozes da Terceira Terra. O material do Holoblog usa como base o Star Wars Saga Edition e é bem completo vale a pena a olhada.
Anúncios

Mass Effect para Space Dragon – Espécies

Começarei os posts das espécies pelas Asari. Como ainda é uma adaptação em progresso peço paciência e agradeço as críticas (construtivas) e contribuições/sugestões.

Asari

Nativas do planeta Thessia as asari são consideradas a mais poderosa e mais respeitada das espécies conscientes da galáxia conhecida. Isso é em grande parte pelo fato das asari terem sido as primeiras após os Protheans a conquistar o voo interestelar e descobrir e habitar a Cidadela. Sendo uma espécie monogênero e nitidamente feminina, as asari são conhecidas pela sua elegância, diplomacia e pelo talento biótico.

Sua fisiologia única permite que elas se reproduzam com um companheiro de qualquer gênero ou espécie. As asari foram fundamentais na proposição e fundação do Conselho da Cidadela e estão no coração da sociedade galáctica desde então.

Asari podem viver por mais de 1.000 anos e passam por três etapas: Moça, Matrona e Matriarca.

O estágio Moça começa durante a puberdade, é marcado pela ânsia em explorar e experimentar. A maioria das jovens Asari é curiosa e incansável. Serviço militar é comum nesse estágio.

O estágio Matrona, começa por volta dos 350 anos, embora possa começar mais cedo se a asari copula com frequência. Nesta fase elas buscam companhia para se unirem e terem filhas.

O estágio de Matriarca se inicia por volta dos 700 anos e concede grande poder e influência sobre outras asari, pois é a elas que outras asari recorrem em busca de sabedoria em tempos de crise, e por isso é raro ver matriarcas fora do espaço asari.

As asari incentivam a procura por parceiros dentro de outras espécies, pela diversidade que oferecem. Este processo reprodutivo pode levar à confusão entre não-asari que podem esperar prole com genes misturados. No entanto, a prole é sempre 100% asari já que nenhum DNA é pego do parceiro, mas é usado como um “mapa” para tornar aleatórios os genes da cria. Sendo assim, a união com outras asari é tida como um desperdício de ganho genético. O resultado desta união é normalmente chamado de “puro-sangue”, e é tido como um insulto nos dias atuais.

Asari não possuem pelos corporais e sua pele é azul e vai ganhando tonalidades com o passar dos anos.  Elas sempre aparentam serem mulheres de grande beleza. Ao invés de cabelos, asari possuem cristas cartilaginosas semi-flexiveis no topo do crânio.

Asari possuem corpos leves e ágeis, altas capacidades mentais e bióticas além de serem consideradas atraentes e culturalmente avançadas por todas as outras espécies.

Mundo natal: Thessia

Idiomas automáticos: asari falam, leem e escrevem em Thessian e Humano.

Nomes de exemplo: Aethyta, Aleena, Alestia, Aria, Batha, Benezia, Liara, Lidanya, Liselle, Mallene, Morinth, Nassana, Nelyna, Nyxeris, Rana, Saphyria, Seryna, Sha’ira, Shiala.

Sobrenomes: Calis, Dantius, Thanoptis, T’loak, T’Soni, Vasir.

Traços Raciais das Asari

+2 Destreza, +2 Comunicação.

Expectativa de vida: 1.000 anos ou mais.

Movimento de 10 metros.

Charme: Asari têm uma tendência natural a manipular membros de outras espécies ao seu redor ganhando+10% na tabela de Ajuste de Reação em testes de reação contra outras espécies. Essa habilidade não tem efeito em outras asari.

Abraçar Eternidade: uma asari pode unir sua mente a de outras espécies sencientes, compartilhando memórias e até mesmo informações genéticas. O efeito é automático em alvos dispostos. Caso contrário, deve ser feito um teste (ainda a ser definido) contra a Jogada de Proteção Mental (JPM) do alvo. Sucesso permite acessar as memórias do alvo permitindo que a asari ganhe acesso até o fim do encontro a uma alguma “habilidade” do alvo ou algum bônus caso já possua a “habilidade”. Ao final do compartilhamento a Asari fica com uma penalidade de -1 nas rolagens até que consiga descansar por completo.

Natural biotics: poderes Bióticos são naturais da espécie, pois elas não dependem de implantes bióticos para desenvolver suas habilidades. Ainda assim elas sofrem as penalidades usuais de implantes caso usem bio-amps.

Linguagens Automáticas:  humano e Thessiano.